Notícias

Pokémon GO previsto para 2016

17/02 | 0 Comentários


Se você chegou aqui é porque já está sabendo da grande novidade: O lançamento oficial de Pokémon GO previsto para 2016!

Mas, com essa multidão de notícias e rumores espalhadas por ai, fica um pouco difícil entender exatamente do que se trata, então preparamos este artigo especial, para ao menos ajudar a elucidar um pouco as coisas.

Pokémon GO é um novo jogo da franquia Pokémon, que está sendo desenvolvido já há dois anos (desde 2013) com uma parceria entre a The Pokémon Company, a empresa oficial detentora de todos os direitos sobre Pokémon. A Nintendo, que todos já conhecemos e que foi a publisher dos jogos da série. E Finalmente o grande trunfo da jogada, a Niantic, mais conhecida por seu jogo de realidade aumentada para Smartphones Ingress.

pokemongo

Então agora que sabemos quem está por trás do desenvolvimento, vamos entender um pouco mais sobre a Niantic e o Ingress, e a relevância disso em Pokémon GO.

Ingress é um jogo de realidade aumentada criado pela Niantic, uma empresa que começou como uma Start Up do Google fundada por John Hanke. Que usa geolocalização do GPS para inserir os elementos do jogo em um ambiente virtual mesclado com localizações no mundo real. O Objetivo é capturar portais, e assim ganhar pontos para sua facção. São duas no game: Iluminados, e Resistência, cada uma com história e motivações diferentes conforme a história do próprio jogo que é bem focado no roleplay e interações sociais entre os jogadores.

Ingress conta com todo um background de Ficção Científica para deixar os jogadores mais imersos no gameplay. Mas o que todas essas palavras pomposas querem dizer no fim das contas? Que você instala o app no celular, e usando o GPS tem que ir no mundo real até o local onde o game diz que está o portal. Então se tem um portal, por exemplo,  lá na Barra da Tijuca ao lado do Condomínio Rio 2, isso significa que você terá que efetivamente se locomover até lá, para então usando o app, visualizar o portal em seu celular e poder interagir com ele!
Antes de você pensar que isso não daria muito certo aqui na Brasil, saiba que, não ter a Nintendo mais no país não impede em nada o suporte do jogo por aqui, até por quê, quem dará suporte ao app será a The Pokémon Company, como já acontece com o jogo Pokémon Shuffle, que inclusive conta com vendas de itens na moeda brasileira! Além disso a Niantic já oferece o Ingress aqui no Brasil com uma estrutura completa e funcional. Ingress conta, inclusive, com uma comunidade bem forte por aqui, com Agentes (como chamam os jogadores) agindo por todo o país!

E assim será feito em Pokémon GO! Realidade aumentada? Check. Lançamento Global? Pode apostar! Suporte por aqui? Quem disse que não?!

 Usando de um sistema parecido, porém mais evoluído, ele usará a câmera para inserir os Pokémon baseado na localização do GPS de seu Smartphone de modo que você poderá vê-los “roaming free” (andando livremente) segundo os próprios desenvolvedores na Pokémon GO Press Conference, evento em que o jogo foi anunciado!
Assim como nos jogos da franquia Pokémon que já conhecemos, será possível capturar os monstrinhos, treiná-los para subir de nível e batalhar contra seus amigos! O diferencial da coisa é que agora você poderá se tornar um verdadeiro treinador ou treinadora pokémon indo de verdade, no mundo real, até os lugares indicados pelo app para encontrar aquele Pikachu que você tanto queria!
Ainda não ficou explicito se teremos que batalhar com os pokémons antes de capturar, como acontece na série, e nesse caso somente o primeiro pokémon seria capturado sem batalhas, ou se basta arremessar a Poké Bola e torcer pra conseguir capturar.

Pokémon GO contará ainda com os famosos Ginásios Pokémon, como vistos nos jogos normais da série.
Eles serão mais raros de encontrar, pois o objetivo é incentivar os jogadores a sair,explorar e até a viajar para encontrá-los, e permitirão você batalhar para subir o nível de seus Pokémon, ganhar insígnias e realizar outras atividades ligadas aos monstrinhos.

Como acontece nos jogos, haverá Pokémon específicos para regiões especificas, por exemplo certos Pokémon do Rio de Janeiro, não serão encontrados em São Paulo, ao mesmo tempo, haverá Pokémon em São Paulo que não poderá ser encontrado no Rio de Janeiro. A ideia aqui é seguir o Core, a alma do jogo, em que as trocas entre os treinadores são incentivadas e geração novos amigos e oportunidades!

O jogo é um app para Smartphone e necessitará de conexão com a internet, seja via WIFI ou por Pacotes de Dados de Celular contratados com alguma das operadoras móveis de nosso amado país, o já citado GPS, e possivelmente smartphones com a função de giroscópio e tracker (dependendo de como será a implementação da realidade aumentada), para funcionar.
O app acompanha também um acessório chamado de GO Plus, que consiste de um aparelhinho que pode ser usado com uma pulseira no pulso, como um relógio, ou como um tipo de broche em qualquer lugar que você queira fixar. Tal item informa sobre a proximidade de pokémons e a realização de eventos no app através de luzes em diversas cores emitidas por seu LED e de vibrações. Possui ainda um botão para agilizar o lançamento das Poké Bolas na hora de capturar os monstrinhos de bolso. Ele se conecta ao seu Smartphone através de conexão via Bluetooth. Mas Shigeru Miyamoto informa: ” Ele não será obrigatório para o jogo funcionar, mas certamente dará muito mais praticidade e imersão para quem estiver usando, além de ajudar a identificar outros treinadores!”.

pokemongoplus

Durante a Press Conference, Shigeru Miyamoto, a principal mente criativa da Nintendo e representante homônimo durante o evento, destaca ainda uma cena no vídeo oficial, em que os pais, com seus filhos, saem para capturar Pokémon juntos e o pai usando o app com a criança usando o GO Plus para interagir e jogar junto com sua família. Este tipo de interação, social levando as pessoas a sair juntas e se divertir em comunidade, explorando seu bairro e localidades próximas, formando novas amizades e se aproximando mais enquanto partem em uma jornada Pokémon, é o objetivo principal almejado com o lançamento de Pokémon GO segundo o senhor Ishihara.

Pokémon GO será gratuito, possuindo vendas de itens dentro do app, e estará disponível para Smartphones Android e IOS a partir de 2016.

Fonte: Pokémon Go Brasil

Pesquisar no site

Inscreva-se e receba as novidades no seu e-mail!